E como seria a abertura dos Jogos Olímpicos se eles fossem no Brasil?


por B!

Correspondente em Pequim

Eu sei que tô meio atrasado pra falar disso, mas a abertura das Olimpíadas foram incríveis. Eu estava lá no estádio, com um sabre do Star Wars na mão, vocês me viram? No canto esquerdo da tela. Nem, né? Mas eu não culpo vocês. Culpo a Globo (sempre, rs). Vendo aquelas maravilhuras, pensei: “E como seriam as aberturas dos jogos olímpicos no Brasil?”

Eu já imaginei tudo escuro antes de começar. Aí só clarearia o centro do Maracanã. Quem iria aparecer? Daniela Mercury, claro, cantando: “O CAAAAAAAAANTO DESSA CIDADE SOU EUUUUUUUUUUUUUUUU… A COR DESSA CIDADE É MEUUUUUUUUU”. Aff, todo mundo iria ao delírio com essa cantora decadente que não faz sucesso faz uns bons 25 anos.

Passado o showzinho de abertura, começaria a queima dos fogos. Nada de mundiais (nome dos fogos que fazem aquelas bolas bonitas e coloridas) ou pegadas no céu. Aqui, teríamos uma bateria de rojão de 12 tiros Caramuru. Um verdadeiro espetáculo barulhento nunca antes visto.

Enquanto as pessoas olhavam para o céu, os novos figurantes já estariam no gramado pra fazer o próximo número. Quem são eles? Um pessoal vestido que nem o Olodum, tocando lata e agitando a multidão, que, pasma, aplaudiria em pé. Puro luxo e tecnologia de última geração.

Como em Pequim, o espetáculo mostraria “O que o Brasil contribuiu com o mundo”. Seriam feitos 5 minutos de silêncio, porque o Brasil não inventou nada de importante pra humanidade, hahahaha. BRINKS, cairia um Boeing 747 no meio do gramado e mataria todas as pessoas vestidas de Olodum. O mundo ficaria chocado e sem entender, mas aí sairia o Nino do Castelo Rá-tim-bum vestido de Santos Dumont e todas as peças do quebra-cabeças se encaixariam. Até aí, um espetáculo fabuloso.

Após essa tragédia, dançarinos, comandados por Carlinhos de Jesus, entrariam sambando. Dançarinos foi um modo sutil de dizer MULHERES SEMI NUAS SAMBANDO, QUEBRANDO ATÉ O CHÃO E FAZENDO COM QUE AS PESSOAS IMAGINEM QUE NO BRASIL SÓ TEM PUTARIA. Depois de 1h sambando (tempo pra passar toda a escola de samba) acabaria o número dos “dançarinos” e iriam para a próxima atração.

Se engana quem pensa que ficaríamos muito atrás dos chineses no quesito “PESSOAS VOANDO”. A gente já teve um homem na Lua, por que não colocar alguém voando também? Nesse momento, desceria um cara todo de branco. Gente, não seria Deus, porque Deus, definitivamente, não é brasileiro. Seria Renato Aragão, o popular Didi. Ao chegar ao solo, ele levaria um belo tombo e todos dariam gargalhadas fenomenais. Ele, como embaixador da Unicef, pediria dinheiro para o Criança Esperança e já iria passando números não só para brasileiros ligarem, mas também toda a população mundial que estivesse asssistindo.

Antes da tocha ser acesa, ainda contaríamos com dois “reis” brasileiros cantando o hino nacional. Para alegria da multidão, Xuxa e Roberto Carlos estariam esplêndidos e segurando uma criancinha no colo, sobrevivente de uma chacina no Morro do Turano. Uma bela imagem, uma bela idéia. Por que não mostrar que acolhemos o pessoal da favela? Somos um povo alegre, caridoso, etc., temos que mostrar isso mesmo.

O cume da festa seria no acendimento da tocha. Diferentemente da China, aqui não somos um país com lugares que querem independência. Não queremos libertar nosso Tibet. Aqui é união, porra. Aqui é Brasil. Estamos muito bem acomodados em nossas cadeiras de computador pra ir reclamar algum direito nosso no governo. Estamos muito bem acomodados pra reinvindicar que a roubalheira no Congresso seja cessada. Nós somos calmos, aceitamos tudo. Com isso, entraria o maior ídolo do esporte brasileiro correndo com a tocha olímpica: Pelé. É justo a escolha por tudo que ele fez pelo futebol, mas mais justo ainda porque ele não tem que abrir a sua maldita boca… é só ir lá e por fogo na bomba.

Tocha acesa. Jogos Olímpicos abertos declarados pelo presidente Lula (sim, ele conseguirá se reeleger daqui a 4 anos novamente). Começará a entrada das delegações. Haiti, Togo, Micronésia e Argentina serão as menores delegações, com 1 membro apenas. EUA e China virão com delegações de 1000 pessoas, assim como o Brasil, que ganhará duas medalhas de ouro (Robert Scheidt com 80 anos e o vôlei feminino… hahahaha brinks, vôlei feminino não. Será no badminton, nova sensação entre a molecada que vê Malhação). Com as delegações passando, tirando fotos, filmando a beleza do Brasil, veríamos estarrecidos um arrastão. Uma gangue formada por 30 adolescentes passaria a mão nas câmeras de todos os esportistas e sairíam pela porta da frente vaiados e com uns seguranças correndo atrás.

Quando chega a vez da última delegação, a do Brasil, a festa será ensurdecedora. Milhões gritando “EUUUUUU SOU BRASILEEEEEEEEEIRO… COM MUITO ORGULHO, COM MUITO AMOOOOOOOOR”. Galvão Bueno, em sua cabine, estará aos prantos com tamanha festividade e entoando o que virará bordão “É A MAIOR FESTA OLÍMPICA, AMIGOS. É A MAIOR FESTA OLÍMPICA DA HISTÓRIA”.

É assim que eu imagino uma festa Olímpica aqui. Se um dia acontecer, provavelmente será.

Anúncios

12 Responses to E como seria a abertura dos Jogos Olímpicos se eles fossem no Brasil?

  1. Lu disse:

    SE um dia acontecer, porque se a confederação ler esse texto acho que não mais rolará, risos

  2. Lucky disse:

    Post épico!

  3. Gabi disse:

    Nossa, do jeito q vc descreveu! parece q essa festa realmente aconteceu! hahahaha! 😛

  4. eduardo disse:

    “Haiti, Togo, Micronésia e Argentina serão as menores delegações, com 1 membro apenas. EUA e China virão com delegações de 1000 pessoas, assim como o Brasil, que ganhará duas medalhas de ouro (Robert Scheidt com 80 anos e o vôlei feminino… hahahaha brinks, vôlei feminino não. Será no badminton, nova sensação entre a molecada que vê Malhação).”

    HAAHAHAHAHAHA

    eu simplesmente não consigo parar de rir. Perfeito!

  5. Jessica Trovato disse:

    Nooooooossa … muiiito boa .. provavelmente, será beem por aai =P

  6. CLARISSA disse:

    ESTOU MIJANDO AQUI
    VOCÊ É UM MAXIMO E VAI SER EXATAMENTE ASSIM
    EU SOU BRASILEIRO COM MUITO ORGULHO COM MUITO AMOR E O GALVÃO BUENO FALANDO É A FESTA DO TORCEDOR BRASILEIRO
    HAAHAHAH MANDOU MUITO

  7. Lucas disse:

    CAraaaioo Manoo! >< EHAUEAUheuhaEA!

  8. Isabella disse:

    DESSE JEITINHO KKKKKKKKKKK merda ;/

  9. Renata R disse:

    Incrivel ! bem assim mesmo! hahaa

  10. Nane disse:

    queria contar NADA mas vai ter olimpiada no Brasil.
    REFLITÃO

  11. Larissa disse:

    Cara, uma das críticas mais bem boladas que eu já vi. hahahahahah Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: